Taskazita

Foi um dos primeiros restaurantes a reabrir aquando da revitalização da Rua da Olaria. Por aqui saboreia-se tudo o que é tradicional, de petiscos a pratos cheios.

O que comer:

Chouriço Assado
Moelas
Pica-Pau
Francesinhas

Adega Matos

É um dos tascos (dizemos isto com imenso amor e carinho) mais tradicionais da nossa cidade. Pequena, mas arejada, é um dos sítios onde se saboreia o douro num prato.

O que comer:

Arroz de Costela
Arroz de Salpicão

A Nave

Com uma picanha de arrasar e uns secretos de porco preto de ascender aos céus, A Nave é uma excelente opção para um jantar festivaleiro. O vinho da casa não é mau!

O que comer:

Picanha
Secretos de Porco Preto

Pastelaria da Sé

Lamego também é prolífera em doces - se curtirem bolas de berlim, é aqui que vão encontrar as melhores. Por lá também se vende bôla, algo que até ver é um exclusivo de Lamego.

O que comer:

Bolas de Berlim
Bôla da Casa
Bôla de Vinha d'Alhos

Retiro do Coura

Se tiverem carro, é aqui que devem lanchar pelo menos um dos dias do festival. A bôla, que sai quente a quase toda a hora, e a melhor da cidade, e os peixinhos são de comer e chorar por mais.

O que comer:

Bôlas (bacalhau, sardinha, vinha d'alhos, presunto)
Peixinhos de escabeche

Old Rock Caffe

O nome não engana: por aqui rocka-se de manhã à noite. Parceiro umbilical da ZigurArtists, o Old Rock é o sítio ideal para ficarem a beber até de manhã, sem se dar conta que lá fora é outro dia.

O que beber:

Gin Tónico
Vinho (boa selecção!)
Caipirock
Shots de Whisky (os únicos que se servem)

Brian Boru Irish Pub

Um pub em Lamego?! E porque não? Se forem fãs acérrimos de cerveja, peçam a carta - há lá muito por onde escolher.

O que beber:

Cerveja que vem um pouco de todo o lado

Olaria Café

Mais do que um café, o Olaria é o espaço ideal para relaxar. Cadeiras até mais não, música no volume certo e os melhores Long Island Ice Teas da cidade.

O que beber:

Long Island Ice Tea

Maia

O Maia é uma instituição lamecense. Cheio de carisma - do balcão aos empregados -, está aberto até de madrugada para beber e para comer.

O que beber:

Super Bock!
* todos estes estabelecimentos se encontram nas proximidades do festival